domingo, abril 20

Acordei sozinha na cama por volta das onze e corri para a sala de pés descalços e camisola de algodão. Sem dizer uma palavra, ele aconchegou-se no sofá e eu deitei-me ao lado dele. Abraçou-me e voltámos a adormecer. Podia ser uma cena de um romance piegas, mas não foi.
Amanhã é segunda-feira e não faz mal.

4 comentários:

wednesday disse...

São tão boas as manhã de domingo assim... :)

Salamandra Pintarolas disse...

hmmmm... cozy! *****

ShooGirl disse...

:) muito muito lindo....

Anónimo disse...

As minhas manhãs de domingo, não diferem muito das dos outros dias- talvez se fique um pouquinho mais na cama - mas há que passear os canitos. Estão muito mal habituados, apesar de terem jardim para fazeres os seus xixis e cócos, não dispensam o passeio matinal (comigo) e o do fim do dia (com o meu marido).
bj
mimi