quinta-feira, abril 17

"Um carro cheio é uma alegria"

- disse ela. E é mesmo. Apertados cá a trás tombámos uns para cima dos outros nas curvas - ora à esquerda, ora à direita - rimos com a ideia de camionistas beijoqueiros e falámos de comida. Já de barriga cheia, regressámos à Velvet prontos para mais uma tarde de trabalho - qual família disfuncional que, sem dar por isso, funciona.


3 comentários:

Salamandra Pintarolas disse...

E é mesmo, verdade?
As conversas cruzam-se, as risotas entrelaçam-se e no final, de barriguinha cheia, há alguém que regista os pequenos-grandes momentos desta família, sempre a crescer!
E agora, trabalho! Allez!

wednesday disse...

Parece-me um ambiente quase surreal... Eu cada sítio de trabalho que vou sabendo tem sempre problemas!

Sara disse...

Wednesday: A Velvet, como todas as empresas, tem coisas boas e más. O que é bom aqui é que toda a gente se esforça por ser positiva e resolver o que não está bem. Queremos ser felizes no trabalho por gostamos do que fazemos e porque é aqui que passamos a maior parte do tempo.
Em todo o lado há problemas, é a tua atitude perante eles que pode fazer a diferença. Força nisso! ;)