sexta-feira, maio 9

Apanhada em flagrante

À saída do ginásio dou por mim preocupada com alguém com quem nunca me tinha preocupado a sério - a angústia de ter um amigo sem dar por isso. Pelo menos cá dentro. 

Não me importei por fazer figura de parva e liguei a perguntar se estava bem. Disse que sim. Não acreditei, mas fingi.

----------

À meia-noite e meia dou por mim adormecida no sofá. 
{Para falar a verdade foi ele que deu comigo e não foi a primeira vez.} 
Ainda embriagada pelo sono, lavo os dentes e volto ao computador para cumprir uma promessa. 
Deixo sempre tudo para o último momento possível: adio, protelo, dilato, mas vai ficar feito.

1 comentário:

Anónimo disse...

Ter amigos é muito bom!

-----------

Mais vale tarde do que nunca!

Bj
Mimi