sexta-feira, julho 18

Repetições

Como se a vida se repetisse em si mesma, hoje voltámos ao Mercado Medieval em Óbidos e amanhã voltamos a Castelo Branco, tal e qual a mesma semana do ano passado.

Hoje assisti a duelos dançados e bailes planeados. Coreografias encenadas das quais se destacou um castelhano temperamental que gritava como um louco. (Mais tarde voltou ao recinto vestido de Mago, encabeçando um desfile de cuspidores de fogo, gárgulas e outros seres pálidos de orelhas ponteagudas.) Só nos os dois, comemos, bebemos e rimos. Regressámos a casa no momento certo: pelo caminho ainda partilhámos um café com alguém com quem nos cruzámos por uma feliz coincidência.

Em Castelo Branco adivinho campos amarelos e serras a azul. Crianças irrequietas. Um calor suportável nos primeiros dois minutos. O desconforto de um casamento de desconhecidos e da roupa nova que ainda não se habituou ao nosso corpo. Como se a vida se repetisse em si mesma.

3 comentários:

Salamandra Pintarolas disse...

Boas férias e bebe o melhor néctar de todos esses momentos!
Beijinhos (já com saudades...:)
Cat Copy

wednesday disse...

Repete-se, mas há sempre imprevistos e outras opções a tomar. Boas férias:)

Anónimo disse...

Já tenho saudades!!!!!
Aproveita bem as férias, mas que o tempo passe depressa para mim e bem devagar para ti!!!!
Beijocas!
Rita