quinta-feira, dezembro 11

Ainda não há sinais do Natal lá por casa. Não me apetecem mudanças, as que aconteceram foram demais, tiram-me espaço para coisas novas e o espírito para as sustentar. Não comprei prendas nem personalizei embrulhos. Agarro-me ao ontem e fecho os olhos ao que se passa mesmo à minha frente. Nego-me a interpretações para me manter positiva - vou contra a minha natureza e sei que isto não vai acabar bem.

Alguém que me diga onde me sentar e qual o botão que tenho que carregar, que eu sou nova nestas coisas de trabalhar sem querer.

----------

{Cil, obrigada pela visita. Mesmo colada ao sofá, adorei. Beijo.}

3 comentários:

Cil disse...

Não tens de quê... sabes que por aqui o espírito também não está muito diferente!Quanto mais nos colamos ao sofá, mais ele parece engolir-nos e deixar-nos agarrados como lapas... as coisas vão mudar, vamos acreditar nisso (ou pelo menos fazer o esforço para acreditar). Beijoca gordinha, foi bom partilhar o sofá com alguém...

Sara disse...

:D Beijo.

asvezesanoite disse...

Não sei porque te acompanho mas hoje chegou o dia de intervir.
ACORDA CARALHO!
:)